sexta-feira, 11 de dezembro de 2009


As vezes eu tenho a leve impressão de que nunca conhecerei alguém inteiramente.
É uma coisa estranha, como se as pessoas olhassem pra mim, mas nunca pudessem me conhecer de verdade. É como se meus olhos mostrassem tudo, mas os seus olhos nao vissem absolutamente NADA.

Eu, com meus preconceitos inúteis, conclusões precipitas, julgamento sem argumento real...

Você, com seus preconceitos inúteis, conclusões precipitadas, julgamento sem argumento real...

As vezes acredito que a sensatez não passa de uma criança birrenta querendo aparecer.

E não adianta tentar explicar, isso é coisa pra sentir, palavras não valem nada se tratando disso.
Dizer que conhece alguém é meio arriscado, o que é que nos garante isso?
Afinal, tem pessoas que nos permite conhecer apenas aquilo que ela quer, trazendo algo a ela, ou não.
E dizer que se conhece, também pode ser arriscado. Quem lhe garante, que na primeira oportunidade, você não vá fazer algo totalmente diferente daquilo que sempre pensou?
Bem, na verdade, eu nem sei onde estou querendo chegar escrevendo tudo isso...
E, que diferença faz?

DEFINITIVAMENTE, nenhuma.

Fui.



2 comentários:

  1. line, o vazio que sente é a solução para o seu problema. Não se concentre nele. Apenas siga em frente direto ao alvo. Vc não esta sozinha.Existem muitas gigantes florescendo por ai, assim como vc. Os desafios enfrentados por vc, as dificuldades que surgem,são apenas provas que vc tem que vençer.Vença e se encontre com os vencedores do outro lado.
    Vc não esta sozinha, muitos estão com vc, e estou com vc!

    ResponderExcluir
  2. As vezes é preciso tropeçar para ver a delicia que é estar em pé.
    Amadurecer faz parte do ciclo da nossa vida.
    Nem sempre vou conseguir sorrir frente aos pedregulhos que eu encontrar pela estrada...
    Agradeço o carinho, a força e o comentário =)
    Temos que crescer, sempre. ♥

    ResponderExcluir